BNDES irá investir R$ 1,81 bi em sistema dutoviário de etanol

Texto: Yuri Soares

O objetivo da medida é ampliar, até 2021, a capacidade de transporte de combustível para mais de 8 bilhões de litros de etanol/ano

Recursos serão utilizados para a construção de cerca de 128 quilômetros adicionais de dutos de etanol (Créditos: divulgação/ Secretaria de Energia e Mineração)

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Logum Logística S.A (Logum) firmaram contrato de financiamento no valor de R$ 1,81 bilhão para a implantação da infraestrutura dutoviária e de armazenamento do Sistema Logístico de Etanol, único sistema de escoamento do etanol no Brasil a utilizar o modal dutoviário. A medida visa a ampliar, até 2021, a capacidade de transporte de combustível para mais de 8 bilhões de litros de etanol/ano.

Os recursos serão utilizados para a construção de cerca de 128 quilômetros adicionais de dutos próprios da Logum a partir de Guararema (SP), divididos em dois trechos novos: o primeiro até São José dos Campos (SP), com 36 km, e o segundo até São Caetano do Sul (SP), com 92 km, passando por Guarulhos (SP). Além disso, é prevista a implantação de um terminal de armazenagem de combustível em Guarulhos.

A fase inicial de implantação do Sistema Logístico de Etanol já havia sido apoiada pelo BNDES com recursos de empréstimo de curto prazo (empréstimo-ponte), contratado em 2011. Parte do valor do financiamento aprovado será usado para alongar uma parcela da dívida que a empresa já tinha com o banco. O BNDES informa que, tendo em vista as duas fases, os recursos distribuídos representam aproximadamente 54% dos investimentos no projeto (R$ 3,3 bilhões).

O Sistema Logístico de Etanol prevê o total de 481 km de dutos próprios da Logum e terminais em Uberaba (MG), Ribeirão Preto (SP) e Guarulhos (SP). Cerca de 353 km de dutos da Logum e os terminais coletores e de armazenamento de etanol em Ribeirão Preto (SP) e Uberaba (MG) foram concluídos e já estão em funcionamento. Após finalizado, o projeto deverá conectar as regiões produtoras do interior de São Paulo e de Minas Gerais aos principais centros consumidores das regiões metropolitanas de São Paulo e do Rio de Janeiro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s