Com apoio do BNDES, fábrica de máquinas para salgados e doces inaugura nova unidade em SP

 Bralyx, média empresa que comercializa equipamentos para a indústria alimentícia no Brasil e outros 50 países, teve financiamento de R$ 4,3 milhões

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, participou nesta sexta-feira, 21, em São Paulo, da inauguração da nova fábrica da Bralyx, uma empresa de médio porte fornecedora de equipamentos para a indústria alimentícia, apoiada com financiamento de R$ 4,3 milhões do Banco.

Além de viabilizar a nova unidade industrial, o financiamento do BNDES à empresa — líder no segmento de máquinas para salgados e doces no País — prevê, também, investimentos em inovação de novos produtos, processos industriais, gestão e atendimento ao cliente. Serão desenvolvidos ou aprimorados 19 novos produtos, com previsão de conclusão para o mês de junho de 2016. O Banco contribui, assim, para aumentar a competitividade, produtividade e a capacidade produtiva da empresa.

A Bralyx atende todo o território nacional e exporta suas máquinas para mais de 50 países, dentre eles Alemanha, Estados Unidos, Espanha, França, Itália e Japão. Na Arábia Saudita e na Turquia, a empresa comercializa máquinas para fabricação de quibes e esfihas. No Brasil, a maior parte das venda é voltada para pequenos produtores de salgados e doces, reunidos em unidades familiares ou outras associações. Também comercializa para padarias, buffets e supermercados.

A fábrica inaugurada nesta sexta produzirá 66 produtos (45 máquinas e 21 componentes opcionais), com mais de dez modelos para salgados e diversos modelos de masseiras, empanadeiras, dosadoras de doces e bolos, além de máquinas para fabricação de massas. Os equipamentos poderão produzir até 19 mil salgadinhos por hora. A nova fábrica demandou investimento total de R$ 9 milhões.

O mercado da Bralyx está diretamente relacionado aos hábitos alimentares da população e à crescente mecanização da fabricação de salgadinhos, doces e massas. Nos últimos anos, o ciclo macroeconômico de crescimento acompanhado de queda da desigualdade de renda e ampliação da classe média criou um ambiente propício para aumento de investimentos no setor.

Para o BNDES, o apoio à empresa reúne algumas características que o posicionam como prioritário nas políticas operacionais do Banco, a saber: trata-se de uma empresa de médio porte, exportadora, que está apostando em um projeto de inovação para aumentar a produtividade e a competitividade.

http://www.bndes.gov.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s